Os Portos da Quinta da Côrte

Um Porto da Quinta da Côrte é elaborado como um grand cru: requer exigência, carácter e savoir-faire. Vinificados em lagares, segundo a tradição secular do Vale do Douro, os Portos da Quinta da Côrte representam a mais perfeita expressão do terroir de xistos da Quinta da Côrte e fazem da sua degustação um momento excecional.

Porto Tawny 10 anos

porto-tawny-10-ans-quinta-da-corte-2

Categoria : Vinho do Porto Tawny 10 anos, 20 % vol.
Natureza do solos : xistos.
Clima : mediterrânico – muito pouca pluviosidade anual, verão quente e seco. .
Castas : mistura de castas antigas (Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Amarela).
Colheita : Mistura de vinhos com 10 anos.
Vinificação : muito tradicional, pisa da uva em lagares, para garantir uma extração suave e controlada dos compostos da uva.
Envelhecimento : em “pipas” de 600 litros.

Degustação : Cor âmbar incrivelmente rica com reflexos de mogno dourado, este Tawny de 10 anos emana, desde a abertura da garrafa, uma paleta aromática soberba: com notas iniciais de amêndoa, noz, figo, frutos secos, passas de Corinto, laranja cristalizada, evoluindo de seguida para notas de torrefação, de madeira e de terebentina.

Na boca a mesma complexidade, uma estrutura rica, concentrada, profunda sustentada por uma acidez magnífica. Evolui com energia e firmeza, caracteriza-se por um acabamento excecionalmente longo, com um travo de râncio muito elegante.

Vinho do Porto e comida : Pronto a consumir acompanha na perfeição um lavagante com molho, um risotto de lagostins, peixe com açafrão ou um queijo de cabra fresco ou um Comté. Servir entre 10 e 12°.
Conservação : 3 anos.

Porto Tawny 20 anos

porto-tawny-10-ans-quinta-da-corte-2

Categoria : Vinho do Porto Tawny 20 anos, 20 % vol.
Natureza do solos : xistos.
Clima : mediterrânico – muito pouca pluviosidade anual, verão quente e seco. .
Castas : Mistura de castas antigas com uma idade média superior a 70 anos, entre elas castas tradicionais, tais como a Tinta Barroca, a Tinta Roriz, a Rufete ou a Tinta Amarela.
Colheita : Mistura de vinhos em média com 20 anos.
Vinificação : Tradicional, pisa da uva em lagares, de modo a extrair com uma maior precisão o melhor da uva.
Envelhecimento : em “pipas” de 600 litros.

Degustação : De cor dourada com reflexos de acaju, este tawny com uma grande classe seduz imediatamente pela complexidade dos seus aromas: passas de Corinto, alcaçuz, canela, citrinos cristalizados, café, castanha de caju, caramelo, nozes…

Doce e harmonioso na boca, magnificamente amplo desenvolve a mesma complexidade. Muito saborosa, equilibrada, com frescura, evolui até um final longo, rico e limpo.

Vinho do Porto e comida : Pronto a ser consumido, perfeito para servir como aperitivo com tostas e queijo de cabra. A combinação perfeita servido com arroz de vitela ou com um tajine de galinha com limões cristalizados. À sobremesa é perfeito para acompanhar bolos de chocolate praliné ou com recheio de café. Servir entre 10 e 12°.
Conservação : 20 anos.

Porto Late Bottled Vintage 2014 (LBV)

porto-tawny-10-ans-quinta-da-corte-2

Categoria : Vinho do Porto Late Bottled Vintage 2014, 19,5 % vol.
Natureza do solos : xistos.
Clima : mediterrânico – muito pouca pluviosidade anual, verão quente e seco. .
Castas : Mistura de castas antigas com uma idade média superior a 70 anos, entre elas castas tradicionais, tais como a Touriga Nacional, a Touriga Franca, a Tinta Amarela, a Rufete e a Tinto Cão.
Colheita : 2014 Engarrafado em 2018. Uma esplêndida colheira repleta de frescura e muito frutada.
Vinificação : Tradicional, pisa da uva em lagares, de modo a extrair com uma
maior precisão o melhor da uva.
Envelhecimento : Em pipas de 6050 litros.

Degustação : Cor rubi profunda, este LBV evoca imediatamente aromas de frutos frescos como a framboesa, a groselha e a cereja. Evoca um belíssimo amadurecimento.

Um paladar complexo marcado pelo cacau e a hortelã. Carnudo, muito equilibrado, longo, prolonga-se numa estrutura fina com elegância e um belo volume. Um acabamento pleno e frutado, ligeiramente mentolado pontua este conjunto extremamente coerente.

Vinho do Porto e comida : Pronto a ser consumido, acompanha divinamente um Tomme de Brebis e todas as sobremesas de chocolate negro ou frutos vermelhos. Servir a 14°.
Conservação : Ganha complexidade com o passar do tempo, mas o seu consumo imediato é igualmente agradável. Pode ser conservado em cave 20 anos.

Porto Vintage 2015

Quinta da Corte - Porto Vintage 2015

Categoria : Porto Vintage 2015, 19,5 % vol.
Natureza do solos : xistos.
Clima : mediterrânico – muito pouca pluviosidade anual, verão quente e seco.
Castas : Segundo a tradição, um grande número de castas autóctones coexistem na mesma parcela. Entre elas a Touriga Franca ou a Nacional, a Tinta Cão, a Tinta Roriz ou ainda a Tinta Barroca.
Idade média das vinhas : Mais de 70 anos.
Viticultura : Tradicional, não mecanizada em praticamente toda a propriedade.
Vinificação : após a seleção das uvas de mesa e das uvas para pisar, as primeiras são colocadas em lagares onde são pisadas da forma mais tradicional. Durante a fermentação, o vinho é transformado em álcool neutro.
Envelhecimento : 20 meses em tonéis.
Ano de colheita 2015 : Após uma primavera suave e um desenvolvimento rápido da vinha, o verão quente e seco desde o início de julho equilibrou o florescimento. A chuva em setembro chegou na altura certa para aprimorar a harmonia da uva: com uma saúde e um amadurecimento perfeitos, este ano já é uma das melhores colheitas desta década.

Degustação : Proveniente de uma parcela excecional da Quinta, este Vintage 2015 com cores grená e reflexos de tinta oferece desde o início tudo aquilo que tem para oferecer. Aromas intensos de groselha, amora, geleia de framboesa, cacau, tabaco, pimenta, cardamomo, com notas ligeiramente empireumáticas é já uma delícia.

O paladar confirma esta primeira impressão com um ataque amplo, pleno, com um prelúdio intenso. Um paladar generoso, aveludado e sensual. Com notas de frutos silvestres mais do que amadurecidos e especiarias com um fundo de vivacidade, um conjunto equilibrado e harmonioso. Acabamento longo e carnudo, com uma presença de taninos intricados testemunham uma notável capacidade de reserva: ainda jovem, ganhará uma complexidade ainda maior nos próximos anos.

Vinho do Porto e comida : Acompanhamento muito clássico, mas inultrapassável de um Stillton, um Roquefort ou de um Gorgonzola. É de igual modo perfeito para acompanhar um fondant de chocolate negro. Fará as suas delícias a acompanhar pato assado no forno regado com molho cassis de groselhas.
Conservação : 20 anos.
Nota : Confidencial, só foram engarrafas 3800 garrafas deste Porto Vintage 2015.